• Buscar notícias

Notícias

VILA DIGNIDADE É TEMA DE TRABALHO NO ENCONTRO REGIONAL DO PROGRAMA “MAIS MÉDICOS”

21/08/2017 - 14:34:53

 Na última sexta-feira, dia 11 de agosto, foi realizado na UFSCAR, na cidade de São Carlos, o Encontro Regional do Programa “Mais Médicos para o Brasil”.

Estiveram presentes no Encontro Regional do Programa Mais Médicos para o Brasil, representando Ituverava, a coordenadora da Vila Dignidade, Giovana Verdinelli, a médica da ESF Benedito Trajano Borges, Elsa Lisnaida Palacio Nápolis, que proferiu a apresentação do trabalho desenvolvido na Vila Dignidade; e os médicos Ysleidy Rodrigue, Elio Montes, Emilsis Nápolis Fragoso, Guido Carmenate Dominguez, Maria Carla Carrilo Solis, e Isandra Velazquez Milan, que fazem atendimentos nas Unidades Básicas de Saúde de Ituverava.

Na ocasião, a médica Elsa Lisnaida Palacio Nápolis apresentou dados sobre o trabalho realizado na Vila Dignidade, em parceria com a ESF do bairro Benedito Trajano Borges, com o tema “Promoção e prevenção da Saúde”.

Segundo a Dr. Elsa Lisnaida Palácio Nápolis (RMS: 3502345/SP), participante do Programa Mais Médicos para o Brasil, “o envelhecimento, antes considerado um fenômeno, hoje, faz parte da realidade da maioria das sociedades . Estima-se para o ano 2050 cerca de dois bilhões de pessoas com 60 anos e mais no mundo, a maioria delas vivendo em países em desenvolvimento. O envelhecimento populacional é uma resposta à mudança de alguns indicadores em saúde, especialmente a queda da fecundidade e da mortalidade e o aumento da esperança de vida. A Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) define envelhecimento como um processo sequencial, individual, acumulativo, irreversível, não patológico, de deterioração de um organismo maduro, próprio a todos os membros de uma espécie , de maneira que o tempo o torne menos capaz de fazer frente ao estresse do meio ambiente e , por tanto , aumente sua possibilidade de morte”, declara a médica.

Ainda de acordo com o trabalho realizado pela médica. “O envelhecimento pode ser considerado como um processo natural, de diminuição progressiva da reserva funcional dos indivíduos – o que em condições normais, não costuma provocar qualquer problema. No entanto, em condições de sobrecarga, doenças, acidentes, e estresse emocional, pode ocasionar uma condição patológica que requeira assistência. Cabe ressaltar que certas alterações decorrentes do processo de senescência podem ter seus efeitos minimizados pela assimilação de um estilo de vida mais ativo. O maior desafio na atenção à pessoa idosa é conseguir contribuir para que a pesar das progressivas limitações que possam ocorrer, elas possam redescobrir possibilidades de viver sua própria vida com a máxima qualidade possível. Essa possibilidade aumenta na medida em que a sociedade considera o contexto familiar e social e consegue reconhecer as potencialidades e o valor das pessoas idosas. A independência e autonomia, pelo maior tempo possível, são metas a serem alcançadas na atenção a saúde da pessoa idosa , sendo esta uma função da equipe de saúde, em especial na Atenção Básica, mediante um trabalho conjunto entre equipe, idoso e família”, destaca.

A Dr. Ainda falou sobre o papel da Atenção Básica no envelhecimento. “A Atenção Básica é o contato preferencial das pessoas com o sistema de saúde, orientado pelos princípios da universalidade, da acessibilidade e da coordenação do cuidado do vínculo e continuidade, da integralidade, da responsabilização, da humanização, da equidade e da participação social. A Organização Mundial da Saúde (OMS) no final da década de 90, passou a utilizar o conceito de envelhecimento ativo. O processo envolve políticas públicas que promovam modos de viver mais saudáveis e seguros em todas as etapas da vida, favorecendo a prática de atividades físicas no cotidiano e no lazer, a preservação de situações de violência familiar e urbana , o acesso à alimentos saudáveis, redução do consumo do tabaco, entre outras. Tais medidas contribuirão para o alcance de um envelhecimento que signifique também um ganho substancial em qualidade de vida e saúde. A Atenção Básica oferece a pessoas idosas a sua rede de suporte social, incluindo familiares e cuidadores, uma atenção humanizada com orientação, acompanhamento e apoio domiciliar, e promoção da saúde da população idosa com implementação de ações locais”, ressalta.

Segundo a coordenadora da Vila Dignidade, Giovana Verdinelli, que acompanhou todo o trabalho, “a proposta da Vila Dignidade é promover a autonomia e evitar o isolamento dos idosos, por meio da convivência em uma moradia assistida, bem como, ampliar a rede de serviços, projetos, programas, benefícios, parcerias, ações integradas e encaminhamento junto à rede da Assistência Social, à Unidade de Saúde da Família (ESF), ao atendimento pela rede de saúde local (SUS) e de outras políticas que tenham direito e /ou necessidade. O trabalho apresentado e divulgado no Encontro Regional retrata as ações preventivas e de promoção que a Unidade faz direcionado aos moradores da Vila, com intuito de remover causas e fatores de risco de um problema de saúde antes que a doença ocorra, visando detectar um problema, e facilitar o diagnóstico, o seu tratamento e evitando agravos”, declara Giovana.

O objetivo de parcerias entre a Vila Dignidade e a Unidade de Saúde do Benedito Trajano, Secretaria do Bem Estar e Integração Social e Secretaria da Saúde, consiste em viabilizar uma política de Atenção Integral à Saúde do Idoso, tendo como objetivo a promoção e prevenção da saúde, qualidade de vida e assistência, sendo as principais metas: aprimorar, manter e recuperar a capacidade funcional, valorizando a independência física e mental da pessoa idosa, com intervenções e encaminhamentos necessários, com atendimento adequado, e equipe multiprofissional atendendo as necessidades da pessoa idosa. Dessa forma, abranger o trabalho realizado na Vila para conhecimento de outros profissionais que estão diretamente ou indiretamente ligados à rede, possibilita a ampliação de novas oportunidades a serem desenvolvidas através de ações ou projetos que beneficiam os moradores da Vila Dignidade.

A coordenadora da Vila Dignidade, Giovana Verdinelli, falou sobre o trabalho realizado. “Quero agradecer o apoio incondicional da Prefeita Adriana Quireza Jacob Lima Machado, do vice-prefeito e Secretário de Saúde, Dr. Alcides Antônio Maciel Júnmior, do Secretário do Bem Estar, Antônio Carlos da Silva, pela atenção e apoio nos projetos, ações e eventos que são desenvolvidos, pois são pessoas que nos acolhem com tanto carinho e depositam confiança no trabalho realizado pela equipe da Vila Dignidade. Em nome de toda Vila Dignidade, agradeço também a Dra Elsa pela excelente apresentação do trabalho sobre a Vila Dignidade no Encontro Regional do Programa mais Médicos para o Brasil, à equipe da Unidade de Saúde do Benedito Trajano e a todos que contribuíram para a realização desse trabalho.

A prefeita Adriana Quireza Jacob Lima Machado parabenizou a iniciativa. “O trabalho realizado pela Unidade de Saúde do Benedito Trajano na Vila Dignidade é essencial para a promoção e prevenção de doenças nos idosos. Quero parabenizar a todos os envolvidos, toda equipe da Unidade de Saúde, Vila Dignidade e aos secretários Dr. Alcides Antônio Maciel Júnior e Antônio Carlos Silva, pelo brilhante trabalho realizado. Uma ação tão bonita como essa, merecia mesmo destaque nesse evento, que contou com a participação de diversas cidades”, destaca Adriana. 


Veja mais notícias

21/08/2017 - 14:46:14 - ITUVERAVA TERÁ PLANO DE SANEAMENTO... leia mais
21/08/2017 - 14:42:04 - PREFEITA ADRIANA FAZ REIVINDICAÇÃO À SECRETARIA DE RECURSOS HÍDRICOS... leia mais
21/08/2017 - 14:41:20 - SEBRAE PROMOVE ATIVIDADES EM ITUVERAVA ... leia mais
21/08/2017 - 14:38:05 - AGITA ITUVERAVA SERÁ REALIZADO NESSA SEXTA-FEIRA... leia mais
21/08/2017 - 14:37:21 - PREFEITURA PROMOVE MAIS AÇÕES PARA COMBATER MOSQUITO CULEX... leia mais

Veja Também

WWW.ITUVERAVA.SP.GOV.BR

Prefeitura MunicIpal de Ituverava
Rua João José de Paula, nº 776 - 14500 000 - Ituverava-SP
Fone: (16) 3830 7000